Para Quem Quer Ser Líder

Fraudes nas campanhas de Display no Google Ads4 min read

By abril 20, 2018 No Comments
Tempo de leitura: 4 minutos

::MOTIVAÇÃO::

Recentemente analisamos um anunciante que tinha gasto cerca de 80 mil reais, ao longo de 3 meses, em cliques fraudulentos nas campanhas de Display. Isso representava 1/3 do investimento dele e o pior… esse dinheiro era desperdiçado e não reembolsado!

Infelizmente, isso não é um caso isolado, a maioria dos anunciantes que utilizam o Display, no Google Ads, está sujeito a cliques desse tipo. Gerando, por consequência, um enorme desperdício de dinheiro.

Em alguns casos são empresas tentando boicotar as campanhas de concorrentes, já em outros casos são bots ou humanos gerando cliques – e até conversões! – para gastar ganhar dinheiro através de programas, como o AdSense.

A seguir, você verá como evitar esse desperdício e explicar por que ele acontece, vamos lá?

::O QUE SÃO CLIQUES FRAUDULENTOS?::

São cliques em anúncios geralmente na Rede de Display do Google Ads de pessoas ou robôs que não tem interesse real nos anúncios.

Quando feito por pessoas, podem ser divididos em dois casos: o primeiro são através de pessoas mal intencionadas querendo fazer os concorrentes gastarem com cliques nos anúncios.

Já o segundo, são pessoas que tem anúncios no próprio site e, através do programa AdSense do Google, ganham por cada clique nos anúncios que exibe no site. Acontece que alguns desses anunciantes pagam pessoas ou robôs para ficarem visualizando os anúncios que aparecem no próprio site e clicando neles.

Uma representação disso seria:

  • Cada clique no anúncio = alguns centavos de lucro para o dono do site, que ganha do Google AdSense por clique.
  • Cada clique no anúncio = alguns centavos de prejuízo para o anunciante, que, geralmente, paga ao Google Ads por clique.

O Google, logicamente, tenta evitar a todo custo esse tipo de fraude. Tanto que invalida o custo sempre que percebe a ocorrência. Algumas vezes evita a cobrança no momento do clique, outras reembolsa automaticamente o anunciante.

No entanto, ele não consegue pegar e filtrar todos os cliques falsos, visto que cada vez ficam mais complexas as técnicas utilizadas para este fim. Dessa forma, os cliques falsos não são pegos pelo Google, e o anunciante, quando não consegue controlar isso, acaba pagando o prejuízo.

Nos piores casos, os bots simulam uma conversão fictícia, gerando um falso retorno sobre o investimento. Eles fazem isso para que os lances automáticos do Google priorizem esses links acreditando que são bons e invistam mais dinheiro neles! Sim! É difícil de acreditar, mas eles podem ir longe!

::COMO IDENTIFICAR ESSE PROBLEMA?::

Existem algumas formas de identificar esse tipo de atividade.

Uma delas é se estiver tendo uma alta taxa de cliques inválidos nas suas campanhas. No exemplo abaixo, o anunciante estava tendo quase 50% de cliques inválidos sendo identificados pelo Google. 

O anunciante não paga pelos cliques indicados como inválidos, apenas pelo válidos. Porém, ainda há alguns que o Google não consegue identificar, então você pode ser cobrado por eles. Assim, essa alta taxa pode ser um sintoma de risco.

Existem ainda outras formas de identificar essa fraude,

  • Analisando as URLs dos sites de referência;
  • Notando valores muito altos para CTR nos canais;
  • Vendo picos de cliques em Display;
  • Entre outros comportamentos estranhos da Rede de Display.

::COMO EVITAR ESSES CLIQUES?::

A forma mais simples para evitar esse tipo de fraude é buscar os links suspeitos, nas campanhas de Display, e negativar sempre que aparecerem. Excluindo os canais suspeitos, faz você evitar que novos cliques venham através dele.

O problema é que a cada hora são criados muitos novos canais desse tipo, tornando quase impossível excluir, com precisão e agilidade, cada um manualmente, conforme forem aparecendo.

::COMO A PARETO PROTEGE CONTRA ESSE GASTO?::

Nosso robô, o Pareto Quantic, analisa automaticamente, de hora em hora, cada novo canal entre as campanhas de Display em busca de canais suspeitos e fraudulentos. Sempre que ele encontra um novo canal, ele já o negativa em todas as campanhas, garantindo a segurança dos anunciantes.

Essa funcionalidade é responsável, hoje, pela redução de até 30% dos custos em Display de nossos anunciantes.

::CONCLUSÃO::

Infelizmente, hackers, cliques fraudulentos e outras práticas ilegais são – e ainda vão ser por um bom tempo – um dos maiores desafios do meio digital. No caso específico de fraude, os custos podem chegar  em até 30% do investimento total em Display, no Ads.

Portanto, assim como ter um site atualizado para evitar entrada de hackers, se proteger contra essas ameaças é fundamental para o melhor retorno sobre o investimento no mercado de PPC.

Crédito da imagem: https://www.eff.org/

Crédito do gif: https://gph.is/296Mkl3

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Bitnami