O que é SEO?

SEO é a sigla para Search Engine Optimization, traduzindo significa Otimização para os Mecanismos de Busca. A grande maioria dos gestores de e-commerces, sites e blogs acham esse assunto muito complexo e não dão atenção ao que pode ser o maior gerador de visitas e vendas para um negócio online.

Para explicar melhor, vamos supor que você tem um e-commerce de calçados. No geral, você pode captar visitantes através das redes sociais, listas de e-mail, referências de outros sites ou ser encontrado no Google. Entre essas formas, a mais garantida a médio e longo prazo é através do Google.

Em uma busca no Google, o básico é ser encontrado pelo nome da sua loja. Mas você também deve ser encontrado quando alguém pesquisar por “loja virtual de sapatos”, “lojas de calçados masculinos”, ou “comprar tênis na promoção”. Isso que vai trazer visitantes que ainda não conhecem seu negócio ao seu e-commerce.

Com mais visitantes, você conquista mais vendas, certo? Então, você otimiza seu site para o Google, ele faz chegar mais visitantes ao seu site, esses visitantes convertem em mais clientes, com mais clientes você lucra mais. Simples, não? Mais ou menos.

É simples de entender o funcionamento do SEO e os seus resultados. No entanto, a otimização para os mecanismos de busca gera resultados somente a médio e longo prazo. Isso, infelizmente, faz com que diversos profissionais focados apenas em curto prazo desistam desse importante fator para um crescimento sustentável!

Para o bom gestor de um site, blog ou e-commerce, esse assunto é fundamental. Portanto, para você entender como funciona tudo isso, separei em 4 partes esse artigo:

  • Como o Google funciona? – A biblioteca e o Google;

  • O que é SEO? Quais os principais critérios?;

  • Interface e primeiros resultados do Google;

  • Relação entre SEO e lucro.

Boa leitura!

Como o Google funciona? – A biblioteca e o Google

Uma vez assisti um vídeo da Search Engine Land, referência em SEO, que explicava genialmente como o Google funciona. Vou trazer aqui a ideia:

Imagine que você é um bibliotecário, mas não de uma biblioteca comum, uma que tenha todos os livros do mundo! E, a todo momento, alguém te faz perguntas sobre qual o melhor livro que explique como resolver algum problema, como preparar um receita e o que significa algum conceito.

Imagine, então, o quão difícil seria para recomendar os melhores livros para essas pessoas. Escolher em segundos os livros que falam sobre o assunto e ainda dizer quais que você acredita que melhor atendem as necessidades delas. Parece impossível, não?

É exatamente esse o trabalho do Google. Ele usa fatores como o título, tópicos, descrição, região, referências externas e internas, entre vários outros para oferecer as melhores recomendações para quem pesquisa nele.

O que é SEO? Quais os principais critérios?

Foi simples entender como o Google funciona, não?

Que tal aproveitar esse conhecimento para aparecer mais nas buscas do Google? É exatamente essa a resposta para “O que é SEO?

Otimizar seu site para os mecanismos de busca nada mais é que aumentar sua reputação (PageRank) frente aos buscadores, através de otimizações para os critérios que eles usam. Então, se você “provar” ao Google, Bing ou Yahoo que seu site é autoridade em um assunto, as chances do buscador te fazer aparecer como resposta, nas buscas, é cada vez maior.

Para isso, trouxe de forma simplificada os principais critérios que o Google usa para ranquear os sites, em geral. Dividi esses fatores pelas duas principais categorias de SEO: “On Page” e “Off Page”:

Fatores SEO “On Page”

São os fatores que fazem parte do site. Podem ser visíveis ou não ao visitante e dependem exclusivamente de otimizações e geração de conteúdo.

  1. Conteúdo. Seu PageRank é fortemente influenciado pela geração de conteúdos de qualidade com: palavras-chave que possuam volume relevante no Google, temas muito discutidos e atuais, uso de vídeos e imagens e, por fim, que responda claramente o que se propôs no início.
  2. Arquitetura. É totalmente influenciado pela forma com que o site foi construído. Os fatores são a facilidade para buscadores identificarem keywords e conteúdos no site, soluções para conteúdos duplicados, afinidade para dispositivos móveis, velocidade de carregamento e uso do https.
  3. HTML. Apesar de ter que ser trabalhado em cada página, é um dos mais fáceis de manter no ótimo. É influenciada pelos títulos, descrições, conteúdo estruturado e headlines e subheads com as keywords identificadas.

Fatores SEO “Off Page”

São os fatores que influenciam seu rank, mas ficam fora do seu site. Servem para o Google entender qual a sua autoridade a partir de elementos que dependem de visitantes, leitores e outros sites.

  1. Confiança. É influenciado pela interação que os usuários da internet tem com você. Vai depender de compartilhamentos e links, engajamento com suas publicações e  consistência de funcionamento do seu site ao longo do tempo.
  2. Links externos. Assim como nos livros, quando vários livros referenciam uma fonte, ela deve ser confiável ou autoridade no assunto. Por isso, fatores que influenciam são: ter links para seu site a partir de outros com boa reputação e influencia no seu nicho e, também, o texto desses lnks com keyword relevantes.
  3. Pessoal. Outra forma de priorizar muito influente é se seu site tem localização próxima de quem fez a busca. o O Google também vai dar prioridade se a pessoa que busca, ou algum amigo dela, já tiver visitado regularmente seu site ou o curtido em alguma rede social.
  4. Social. Apesar de menor influência, compartilhamento nas redes sociais podem influenciar seu PageRank, principalmente se feitos por autoridades no seu nicho.

Interface e primeiros resultados do Google

Para falar de interface e primeiros resultados, começo com a pergunta: Quando você faz uma pesquisa no Google, o quanto você acredita que o 1º resultado já soluciona seu problema?

“35% dos cliques são feitos no 1º resultado do Google.”

Incrível, não? Apesar da alta quantidade de cliques na primeira posição, estar entre as 4 primeiras é aceitável, pois ali que estão concentradas mais de 70% dos cliques.

Por fim, os usuários que não encontram na primeira página o que procuram, geralmente não visitam uma segunda página, eles preferem mudar o termo de busca, pois acreditam que só assim terão resultados mais relevantes.

Mas enfim, qual a relação entre SEO e mais lucro?

Até aqui você viu como o Google funciona, quais critérios de ranqueamento e o comportamento dos usuários. Mas o que tudo isso tem a ver com mais vendas?

Vamos voltar ao exemplo da loja de calçados, do início? Imagine o número de potenciais clientes que, diariamente, estão buscando pelos termos “loja virtual de sapatos”, “lojas de calçados masculinos”, ou “comprar tênis na promoção”. Muitas delas tem a intenção de comprar e, se encontrassem seu site, poderiam se interessar e efetuar uma compra.

Esse é o objetivo de um trabalho de SEO: trabalhar gerando conteúdos, otimizando as páginas, conquistando links relevantes, definindo palavras-chave, entre diversas outras otimizações que podem conquistar para seu site excelentes posições quando pesquisarem aquele termos.

Por fim, recapitulando o que disse no início, Com mais visitantes, você conquista mais vendas, certo? Então, fazer um trabalho de SEO, trará mais visitas a médio e longo prazo, garantindo mais vendas e um crescimento sustentável para seu negócio.

Comece hoje o seu SEO

Você pode começar de forma muito simples: se a plataforma de seu site, blog ou e-commerce é baseada em WordPress, basta você pode baixar e instalar o plugin chamado Yoast SEO. Ele é um plugin extremamente fácil de usar e pode te ajudar na otimização de cada uma das suas páginas.

Sabe de alguém que pode ter resultados com SEO?

Mostre que se importa e compartilhe com seus amigos que possuem um site, e-commerce ou blog. Pode ser que isso faça muita diferença nos negócios digitais deles!

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Bitnami