O que são?

Se você anuncia no Google Ads, com certeza o conteúdo desse artigo é muito importante! O Google possui uma série de regras a serem seguidas para que os anúncios sejam divulgados na plataforma. São as políticas de Publicidade do Google Ads.

De acordo com o conteúdo do anúncio, ou até mesmo do site, o Google pode impedir a sua veiculação, reprovando os anúncios. Por isso, é importante conhecer essas regras para evitar problemas.

Essas políticas são revisadas periodicamente pela equipe do Google Ads. E o grande objetivo delas é tornar a experiência dos usuários mais segura e positiva na plataforma. 

As Políticas de Publicidade estão separadas em quatro áreas, ou categorias. Vamos conhecê-las?

Conteúdo proibido

Nessa área, estão englobados todos os conteúdos que não podem ser anunciados no Google Ads.

Entram nessa categoria:

Produtos falsificados

Seriam anúncios para produtos que imitam ou simulam outros que tenham marca registrada. Ou seja, a prática da pirataria.

Produtos ou serviços perigosos

Anúncio de drogas, explosivos, armas ou instruções para usá-los ou criá-los.

Serviços que facilitam comportamento desonesto

Por exemplo, hackers, oferta de serviço de falsificação de documentos, dentre outros.

Conteúdo inadequado

Este tópico engloba conteúdos como bullying ou intimidação de um indivíduo ou grupo. Discriminação ao indivíduo, cenas de crimes, linguagem obscena.

Práticas proibidas

Nesta categoria, estão englobadas as seguintes práticas:

Uso Inapropriado da Rede de Anúncios

São aqueles anúncios que, de alguma maneira, o Google entende como se estivessem burlando o processo de revisão. Por exemplo, promoção de conteúdo com malware ou técnicas para ocultar o verdadeiro destino para onde os usuários são direcionados.

No caso do malware, é possível que o site esteja infectado com um software malicioso (vírus), sendo necessário removê-lo para que os anúncios sejam exibidos.

Esse é um problema bastante grave, pois envolve a reprovação de todos os anúncios da conta, e exige um esforço do time de desenvolvedores do site para remover o arquivo contendo o malware

Coleta e Uso de Dados

O Google preza pela segurança do usuário, por isso impede que seus parceiros de publicidade divulguem sites que são usados para coleta irresponsável de dados. Por exemplo, captar CPF, número do cartão de crédito do usuário em sites não seguros que vão fazer mau uso dos dados.

Bem como usar esses dados para ações de marketing específicas para determinadas características do usuário. Por exemplo, promoções que afirmam conhecer sua situação financeira.

Declarações Falsas

Essa é uma política bem importante, que causa muitas reprovações quando não se toma o devido cuidado. Os anúncios precisam ser claros e honestos, bem como o site de destino.

O usuário precisa ter acesso a todas as informações necessárias para realizar a compra ou o cadastro. Por exemplo, não divulgar de forma clara os meios de pagamento aceitos. Ou então, ter algum conteúdo considerado enganoso: como promessa de resultados garantidos, fazer afirmações falsas sobre sua empresa, etc.

Conteúdo restrito

Nesta categoria, estão os conteúdos que são permitidos pelo Google em algumas situações. Em geral, esse conteúdo fica limitado, ou seja, o anúncio não é exibido com toda a frequência que poderia. Assim, tem um alcance bem menor de usuários. Em alguns casos, os anúncios poderão ser reprovados.

Conteúdo Adulto

O Google não permite certos tipos de conteúdo adulto no anúncio ou na página de destino. Os anúncios devem respeitar as preferências do usuário e obedecer aos regulamentos legais e a idade de segmentação dos anúncios.

Álcool

Alguns tipos de anúncio relacionados a bebidas alcoólicas são permitidos desde que atendam às políticas. O Google pode reprovar o anúncio se estiver segmentado para menores de idade, sugerir que o consumo de bebidas traz benefícios ou envolver consumo de álcool juntamente com a condução de veículos.

Direitos Autorais

O Google não permite anúncios que não têm autorização para usar conteúdo protegido por direitos autorais. Por exemplo, sites que fornecem acesso a conteúdos para download de forma a burlar direitos autorais.

Jogos de Azar

Os anúncios relacionados a cassinos físicos ou on-line são restritos a países em que esse tipo de prática é permitida. Aqui no Brasil, não é possível fazer essa divulgação. Essa política se aplica também a outros jogos de apostas online.

Saúde e Medicamentos

Não é possível divulgar determinados conteúdos relacionados à saúde, ou então é preciso solicitar uma autorização especial. Medicamentos controlados e substâncias não aprovadas estão banidos dos anúncios. Essa é uma política que causa reprovação com certa frequência.

Muitas vezes, ocorre da página de destino conter algum nome que seja semelhante a um medicamento controlado, como nomes próprios. Em casos como esse, solicitando revisão ao Google, o anúncio costuma ser liberado.

Alguns sites de suplementos podem ter anúncios reprovados, dependendo da substância anunciada.

Conteúdo Político

Os anúncios devem estar de acordo com as leis eleitorais do país. No caso do Brasil, não há uma política do Google muito restritiva quanto a isso.

Serviços Financeiros

O objetivo dessa política é garantir que o anunciante forneça aos usuários todas as  informações sobre os custos associados aos produtos e serviços financeiros. Dessa maneira, protegê-los contra práticas nocivas ou fraudulentas.

São considerados produtos e serviços financeiros aqueles que estão relacionados ao gerenciamento e investimento de moedas e criptomoedas.

Marcas Registradas

Essa política se aplica somente quando o proprietário de uma marca registrada envia uma reclamação válida ao Google. Por exemplo, quando um concorrente está usando sua marca nos anúncios.

Nesse caso, não é permitida sua utilização, a menos que faça um requerimento de autorização para uso da marca (depende da aprovação do proprietário).

Requisitos editoriais e técnicos

O Google deseja que os anúncios exibidos em sua plataforma envolvam os usuários e não sejam desagradáveis ou de difícil interação. Por isso, criou requisitos editoriais e técnicos para ajudar a manter seus anúncios atraentes para os usuários.

Essa política está relacionada à criação de anúncios claros, com aparência profissional e que forneçam aos usuários um conteúdo relevante, útil e de fácil interação. Além disso, envolve a experiência do usuário na página de destino.

Então, alguns pontos que causam reprovação e que se enquadram nessa política de publicidade são:

  • Uso de mais de uma URL por Grupo de Anúncios.
  • URL de visualização que não reflete com precisão o URL da página de destino.
  • Links que iniciam um download direto a partir do anúncio.
  • Destinos que contém experiências abusivas aos usuários.
  • Anúncios muito genéricos que contêm frases vagas.
  • Pontuação ou símbolos que não são usados corretamente ou para a finalidade pretendida. Exemplo: “$alário” para dizer “salário”.

Boas Práticas de Anúncios

Como vimos acima, existe uma série de regras dentro das Políticas de Publicidade do Google que devem ser respeitadas. Dessa forma, não se corre o risco de sofrer com anúncios reprovados e perder impressões.

Vejamos algumas sugestões de boas práticas na hora de criar seus anúncios, com base nas Políticas de Publicidade:

1) Não usar termos que sugiram uma “superioridade garantida” nos títulos e descrições. Exemplo: “Melhor” –  “O Melhor Produto do Brasil”.

2) Não escrever nos anúncios frases que possam ser rotuladas como conteúdo enganoso. Além disso, cuidado com essas declarações também na página de destino dos anúncios! Exemplo: “Elimina 100% das Rugas” ou “Lucro Garantido em 1 mês”.

3) Não usar pontos de exclamação nos títulos dos anúncios nem palavras com todas as letras maiúsculas (apenas em abreviações e siglas).

4) Não usar nomes de marcas registradas e de empresas concorrentes nos títulos ou descrições.

5) Não utilizar frases que demonstrem vantagens econômicas quando se refere a serviços médicos, pois vai contra a lei relacionada à publicidade para a saúde. Por exemplo: “O Exame Mais Barato”.

Conclusão

Então, essas foram as dicas da Pareto para que seus anúncios estejam todos aprovados! Dessa maneira, você poderá aproveitar todas as oportunidades de divulgação desta plataforma!

Se você quiser conferir a lista completa de Políticas de Publicidade do Google, é só clicar nesse link.

Confira esses outros artigos que separamos para você sobre Google Ads:

O que são os Ajustes de Lance no Google Ads – Conheça os 6 Principais
Entendendo a Estrutura do Google Ads
Índice de Qualidade do Google Ads: O Que É e Como Melhorar?

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Bitnami